Atendimento em redes sociais: como extrair o melhor das interações

Atendimento em redes sociais

O momento de isolamento social levou um fluxo ainda maior de pessoas para as redes sociais.

Diariamente, vemos uma grande quantidade de eventos online acontecendo, realizados em grande parte por empresas buscando cativar a atenção de seu público.

Mesmo se você possui um pequeno negócio, o momento é propício para entender as formas de interação com seu público e explorar de maneira mais estratégica o atendimento em redes sociais.

Confira, nesse post, como extrair o melhor das interações com seu público nas redes sociais.

Conheça a dinâmica de cada rede social

Diferente do uso pessoal, quando utilizadas para empresas as redes sociais escolhidas devem representar objetivos bem claros de interação para gerar negócios. 

Portanto, para extrair o melhor de cada rede escolhida é preciso entender a dinâmica de interação em cada uma.

O twitter, por exemplo, possui um ritmo muito mais acelerado de interações do que o Facebook. Por isso, antes de inserir sua empresa em uma grande quantidade de redes sociais, entenda qual faz mais sentido de acordo com o tipo de interação que gostaria de ter com seu público. 

Frequência é importante 

As marcas com maior engajamento geralmente são as que mantêm uma frequência nos conteúdos produzidos. 

Por isso, para que sua empresa seja lembrada nas redes sociais, é preciso ter conteúdo e interação frequentes. 

Faça um calendário de postagens e planeje os conteúdos com antecedência. Deixar para produzir conteúdos “quando der” pode prejudicar a frequência de publicações de sua empresa. 

Além disso, separe também um tempo para interagir com seus seguidores e responder a todos os comentários, mesmo que negativos. Isso demonstra que a empresa está ali não apenas para falar de seu produto, mas também para entender a real necessidade de seus consumidores. 

Entenda o que é relevante para seu público 

É muito comum ver empresas que utilizam as redes sociais para falar apenas sobre seu produto ou serviço. Mas, você já parou para pensar no tipo de conteúdo que VOCÊ mais gosta de consumir? Muito provavelmente não são apenas atributos de produto que te fazem gostar de acompanhar uma marca nas redes sociais.  

Por isso, procure visualizar os conteúdos de acordo com as etapas do funil de vendas. Quem já conhece seu produto/serviço e está interessado nisso é porque está no fundo do funil (etapa de decisão de compra).

E as demais etapas, como sua empresa pretende converter? 

Conteúdos de topo, principalmente, podem ser uma ótima alternativa para atrair mais pessoas que podem ser convertidas posteriormente. 

O formato também importa 

Falamos anteriormente sobre o conteúdo das postagens, mas, não só o conteúdo pode agradar mais ou menos à sua audiência. O formato também é muito importante nesse quesito. 

Para o seu público, é mais interessante ou post com foto ou um vídeo? Essas perguntas são muito importantes de serem feitas. 

Caso contrário, você pode investir tempo e esforço produzindo um formato de conteúdo que não agrada seu público. Por isso, se você ainda não sabe o que é mais certeiro, faça testes! Invista em diferentes formatos e avalie os resultados de cada um.

Conheça as funcionalidades disponíveis em cada rede social

Muitas funcionalidades podem te ajudar a ter mais produtividade nas postagens. 

O Facebook, por exemplo, permite o agendamento de posts, dessa forma, é possível deixar conteúdos agendados para serem postados automaticamente em determinada data e horário. 

Já o Instagram, permite que o mesmo post seja replicado na conta correspondente do Facebook. 

São coisas simples, mas que podem facilitar muito o trabalho e tornar essa rotina mais ágil e produtiva. 

Começando por essas dicas, sua empresa está pronta para extrair o melhor das interações nas redes sociais! Para se aprofundar, confira nosso conteúdo sobre 5 ferramentas para impulsionar pequenos negócios digitais! 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: